Onde está o Natal?

December 2, 2015

 

“...Onde está o recém-nascido rei dos judeus? Vimos a sua estrela no oriente e viemos adorá-lo” (Mt 2.2).
Caros colegas, membros da União dos Ministros Batistas Independentes do Estado do Rio Grande do Sul: é Natal! Parece que foi ontem que iniciamos o ano, com muitos projetos – pessoais, familiar e ministerial. A verdade é que, neste momento em que leem esta mensagem, estaremos  a alguns dias do Natal e, consequentemente, do final do ano. 
Embora não haja nas Escrituras uma data específica, no dia 25 de dezembro é comemorado o Natal.
Para muitos, esta é a época de viajarem, reunirem-se com a familia para comemorar. Para os empresários e comerciantes é um dos eventos festivos do ano que abre o maior espaço para vendas.  
Na verdade, a forma que a humanidade tem comemorado tem pouco a ver  com o nascimento de Jesus. Pois poucos dão a atenção que lhe é devida, em muitas vezes nem sequer é lembrado.
E para nós, cristãos, o que significa o Natal? Festas, encontros com familiares, viagens, compras, presentes, etc.
Será que as nossas ações têm sido como as dos magos “Onde está o rei dos Judeus, pois viemos adorá-lo”? Deixo uma breve reflexão sobre as atitudes dos magos, que deve ser as nossas, se queremos realmente comemorar o Natal.  
Onde está? Natal deve ser a busca constante pelo Senhor Jesus. A preocupação dos magos era dar atenção a quem tinha nascido. Não estavam em busca de Maria e José, mas sim, do Senhor Jesus. Pois Ele era a razão daquela viagem. Percebemos que não é isto que  muitas vezes tem acontecido, pois muitos nem se lembram que Ele existe, preocupam-se em comer, beber, trocar presentes, etc.
Lamentamos que, muitas vezes, seguimos o curso deste mundo. Fazemos como Israel, que queria um rei, para se igualar às outras nações. Que não somente nesta data, mas em todo tempo busquemos o Senhor de todo nosso coração, e assim o encontraremos, pois é esta a sua promessa: “Você me procurarão e me acharão quando me procurarem de todo o coração”(Jr 29.13). 
“Viemos adorá-lo”! Natal deve ser momento de adoração ao Senhor. Afinal, quem havia nascido era quem merecia toda atenção.  Os magos enfrentaram uma longa viagem com o objetivo definido: “nós queremos adorá-lo”. Natal sem adoração não é Natal.
O mundo comemora o nascimento de Cristo com bebedeiras, festas etc. Desta forma, o Natal torna-se sem sentido e vazio, pois quem deve ser adorado é deixado de lado.
Os magos não adoraram a Maria e José, e nem lhes deram presentes; a razão principal deles estarem ali, era  Jesus, e eles queriam adorá-lo. Que nós, cristãos  vivamos em constante adoração ao Senhor Jesus. Esta é a verdadeira comemoração do Natal. “No entanto, está chegando a hora, e de fato já chegou, em que os verdadeiros adoradores adorarão o Pai em espírito e em verdade”(João 4.23).
Meditemos sobre esta breve reflexão, enquanto desejo aos pastores e familia um Feliz Natal e um próspero 2016, com muitas bençãos do Senhor sobre suas vidas. Aquele que vos sustentou até aqui continurá vos guardando. “Servi ao SENHOR com temor, e alegrai-vos com tremor”( Salmo 2.11).
Comemoremos, portanto, o Natal de forma correta, buscando por aquele que é a razão principal desta festa: JESUS! 

Please reload

Postagens Recentes

March 5, 2019

September 25, 2018

September 2, 2018

July 25, 2018

Please reload

Curta
  • Facebook Classic